Silviah Carvalho
 "Sobrará culpa aonde faltar o amor... Não se culpe, Ame"
CapaCapa
TextosTextos
FotosFotos
PerfilPerfil
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos


Noite e dia...
 
Existe uma paz que de forma alguma é indolência,
A calma viva que nasce da confiança na Força
que existe em nós, que nos torna capazes,
de vencer ou nos adaptarmos as circunstancias.
 
A vida não está sob seu controle,
Mas se não administrá-la, ela será seu algoz,
Tensão quieta não é confiança,
Consciência exausta não é o exercício da fé.
 
Em tempo de incerteza, espera.
Não se subestime você é capaz!
Há corações como raras flores,
Que só se abrem nas sombras da vida,
Não se precipite o tempo de cantar há de vir.
 
A fé põe sua carta no correio
O medo à segura firme e questiona,
“porque a resposta não veio?”
Se carrega seu fardo, seu esforço ê vão,
E suas cartas não terão finalidades
Se não saírem de suas mãos
 
Não se habilite em começar sem acabar
Assim será hábil em fracassar.
Bens preciosos são os adquiridos com esforço
E dor, ainda que, com o tempo eles pereçam,
Deixarão em nós cicatrizes de valor
 
Qualquer situação pode ser mudada
Coragem! Suporta os açoites
Exercite a paciência, seja agradecido.
Espere pelo Dia, mas antes, vença sua Noite

 
(R.P)
Silviah Carvalho
Enviado por Silviah Carvalho em 15/03/2015

Música: Murmures - Richard Claiderm

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários