Silviah Carvalho
 "Sobrará culpa aonde faltar o amor... Não se culpe, Ame"
CapaCapa
TextosTextos
FotosFotos
PerfilPerfil
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos


Cana esmiuçada

Há passos em falsos pela vida
Onde a brincadeira não é divertida
E nem meu lamento faz sentido
Nas ações de um coração bandido

No que arde em meu Ser o ser poético
A necessidade extrema pela inspiração 
Me torno lagrimas, risos, dor, amor e
Até mesmo em uma forte paixão...

Havendo perdão os pés caminham sós
E a mão estendida pode ser recolhida
Sem misericórdia, rancor ou dó
A visão faz o sentimento virar pó.

Enferruja a corrente e desfaz-se o elo
Como cana torcida e retorcida em vão
No abandono, esmiuçada sinto meu
Sentimento jogado ao chão.

Há somente um pedido em meu peito
E pede a gentileza de ser concedido 
Se há lembranças minhas em ti, esqueça
Dê-las aos ventos sem ressentimentos

Deixa-me só em teu abandono cruel
Sem necessidades de palavras que
Demonstre o teu desmedido fel
Não havia em mim pretensão senão...

A de ganhar seu coração, não consegui
E não mais tentarei, o desanimo agora
Tem nome e é o meu, teu melindrado
Ser faz de você um ser totalmente teu.
 
Silviah Carvalho
Enviado por Silviah Carvalho em 13/08/2016

Música: from this moment on - shania twain

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários