Silviah Carvalho
 "Sobrará culpa aonde faltar o amor... Não se culpe, Ame"
CapaCapa
TextosTextos
FotosFotos
PerfilPerfil
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos


O bálsamo

Leva também a dor que me invade
que me quebra e me consome, 
como quando a lenha queima os 
gravetos e faz ferver ás águas

Constantes dentro de mim e nos
meus olhos, aflitos de não saberem
da inocência o fardo tão pesado nos 
meus ombros,.se assim lhe basta

A mim também, pois a mágoa em 
mim deixada é semelhante a dor 
da pedra embaixo da cachoeira,mas
ainda há um ar que eu possa respirar,

Ainda há vida em mim, há sonhos 
que eu posso concretizar. a fé me 
levará a ver os mais profundos 
desejos da minha alma realizados.

O tempo não para, se você parar 
a dor não cessa se não houver o 
bálsamo que cura, e o balsamo
é o amor que em mim transborda.

Leva o tempo perdido e a felicidade 
adiada que você deixou aqui 
leva tudo que é seu e assim 
Quem sabe eu passe a existir.


 
Silviah Carvalho
Enviado por Silviah Carvalho em 07/04/2017

Música: christina_perri_a_thousand_years_official_music_video_mp3_65612 - Desconhecido

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários