Silviah Carvalho
 "Sobrará culpa aonde faltar o amor... Não se culpe, Ame"
CapaCapa
TextosTextos
FotosFotos
PerfilPerfil
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos



Devolva-me
 
Você tem muitas coisas minhas
Presas em tuas mãos.
Devolva por favor aquele abraço
Que um dia te dei...
 
Preciso dele, como as corsas
Necessitam de agua para beber
Não posso desistir, preciso viver
 
Devolva o carinho que te dei
Toda ternura que a ti dediquei
Toda cumplicidade e afeto
 
Por favor me devolva a paz
Que está contigo, devolva
O abrigo que para ti construí
 
Devolva a imensidão do amor
Que incondicionalmente te 
Intreguei e puro te ofertei...
 
Eu já te perdoei...
 
Fica com os agravos que me deste
És cru e indigesto (in) merecedor
De tanto amor que em mim vingou
 
E quando descubrir o que sentes
Por mim, fala com justas palavras
Sem me destruir.
 
Eu ainda estou aqui!
 

 
 
Silviah Carvalho
Enviado por Silviah Carvalho em 27/04/2017

Música: Haja o que houver - Madredeus

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários